um apartamento lindo num prédio clássico

casa edf jkcasa edf jkcasa edf jkcasa edf jkcasa edf jkcasa edf jkcasa edf jkcasa edf jkcasa edf jkcasa edf jkcasa edf jkcasa edf jkO projeto Casa Aberta tem uma vibe super parecida com o The Selby e o Casa Chaucha, dois que já postei aqui. E todos tem o clima de um projeto que eu queria fazer aqui no blog, com casas de Recife. Quem sabe um dia eu tiro do papel e saio invadindo casas por aí pra fotografar :) Enquanto isso, eu vou babando e roubando fotos de projetos lindos assim.

Esse é o apartamento do arquiteto Fernando Tourinho, que mora com seu lindo cachorrinho Pisca num apartamento do clássico prédio JK, em Belo Horizonte. Esse prédio foi projetado por ninguém menos que Oscar Niemeyer lá nos anos 50. A ideia era que ele fosse um espaço para repartição pública, museu de arte e alguns apartamentos para os funcionários. Mas hoje moram cerca de 5 mil pessoas nos 1086 imóveis de lá. É GENTE, viu?

E do mesmo jeito que tem um toque assustador (ao menos pra mim, morar num lugar com TANTA gente TÃO perto haha), tem seu charme, né? Apartamentos antigos são sempre lindos quando caem nas mãos certas. O pé direito mais alto e a janela gigante desse apartamento ganharam meu coração <3 Além de todos os detalhes que foram super bem descritos com os números nas fotos lá do Casa Aberta. Então, com a licença, eu vou copiar aqui cada ponto dos números e vou comentando, tá bom?

1_ O vermelho da estrutura da janela, foi uma interferência do Fernando e em breve não existirá mais. A reforma na fachada do prédio removerá a janela e a nova estrutura não permite a pintura. Que pena, porque achei um charme.  2_ Quadro da artista Fernanda Oliveira. 3_ Cadeiras de plástico da Moderna Indústrias. 4_ A mesa recebe vaso de abacaxi, alecrim, manjericão e até um gnomo de jardim. Achei lindo e lembrei que preciso voltar a ter plantas em casa. 5_ A cadeira foi estofada de zebras por um hóspede que veio passar um dias. Gente, hóspedes que fazem reformas. Tô procurando, a casa tá aberta. 6_ Quadro do artista André Luiz Almada Guimarães. Adorei, muita cor, muita vida. 7_ Prateleiras de uma antiga barbearia da Av. Brasil. Elas são super simples, né? Mas só de dizer que são de uma antiga barbearia ganharam seu charme. 

8_ Percorre uma grande região da cidade todos os dias indo de bicicleta para o trabalho. Acho digno. 9_ Customizou o antigo móvel com fita adesiva e puxadores que ganhou de presente. Adorei, muito melhor que pintar e ficar todo feio que nem uma mesa que eu tô pintando hahaha. 10_ Conseguiu de um cinema, o negativo da cena inicial de um filme que mostra o Rio de Janeiro e o Cristo Redentor. Colocou na moldura de mdf e luz de led. Eu jamais conseguiria ver na foto que era um negativo e já achei lindo. De perto deve ser ainda mais legal. 11_ As fotografias da geladeira são da dupla de artistas bebaprafrente. 12_ Boca de fogão industrial. 13_ A bancada da cozinha foi reformada com cimento queimado. Sonho meu, sonho meu. <3 14_ A luminária branca recebeu um copo de plástico vermelho para mudar a cor do quarto. Casa da luz vermelha, adoro. 15_ O seu cachorro Pisca, da raça Whippet, tem apenas 3 meses. Gente e esse olhar? Gamei <3

É ou não é uma casa linda e cheia de detalhes que valem a atenção? Quando vejo uma casa linda assim, e super possível, só lembro que tenho que arrumar meu cantinho, tenho que arrumar meu cantinho <3

 

pique nique do amor <3

pique nique do amorpique nique do amorpique nique do amorpique nique do amorpique nique do amorpique nique do amorpique nique do amorpique nique do amorpique nique do amorHá uma semana atrás, no Parque da Jaqueira aqui em Recife, rolava o primeiro #piqueniquedoamor :) Rafa Mattos é um carioca que agora mora em Recife, trazido pelo amor de uma pernambucana, e que espalha essas plaquinhas por todos os lugares. Você já deve ter visto alguma com “Plante amor, colha o bem” por aí. Seja na rua ou no Instagram, Rafa sai por aí espalhando amor e carinho. Que coisa linda, né? Aqui tem uma matéria massa falando desse projeto.

Até então a gente era amigo de internet, desses que se falam, se gostam mas nunca se conheceram, sabe? Eis que eu tive a cara de pau de pedir uma plaquinha pra mim hahaha :P E ele com a maior atenção do mundo propôs que a gente se encontrasse e que ele faria uma pra mim na hora. Desculpa, sou uma privilegiada mesmo hahaha :) Então com a ideia do pique nique no parque, pensei logo em quem? Em quem? Em Ju do Pitadinha e a sua família linda. Alguma dúvida de que esse pique nique não podia ter outro nome, a não ser “do amor”? Por sinal, tem muito amor no blog dela hoje também, viu. VAI LÁ.

Então fomos todos. Eu, a família nobre da Olaria com Rafa, esposa, filha, sogra. Um casal super gente boa que adorei conhecer,  Janaina e Anderson, que acompanhou, fotografou e espalhou mais amor pelo parque. E a família Pitadinha, com Ju, Filipe, Nanda e o bolota Daniel :) Foi uma tarde incrível e que nós nos despedimos já dizendo: quando vem o próximo? Porque olha, o #piqueniquedoamor tem que virar tradição.

Rafa, muito obrigada pelo carinho, pela atenção, pelo amor compartilhado <3 Esse quadrinho vai ficar lindo lá em casa, saudando o lar com amor <3

pique nique do amor

uma casa vintage

casa vintagecasa vintagecasa vintagecasa vintagecasa vintagecasa vintagecasa vintagecasa vintagecasa vintageHá um tempo atrás eu conheci o blog Morando Sozinha. Não lembro exatamente quem me indicou, mas foi alguma amiga linda que sabia que eu ia adorar hahaha :) Já comecei gostando do nome, afinal, eu moro sozinha :P E o conteúdo também é super legal, com coisinhas de decoração, comida, organização e até saúde nessa vibe treino e boa alimentação. Quando eu vi que Fran é de Juiz de Fora, cidade da minha família inteira por parte de pai, aí comecei a gostar ainda mais. :D Então Fran, eu nunca comentei no teu blog nem nada, mas se tu aparecer por aqui eu queria te dizer que o Morando Sozinha é massa ;)

E quando eu vi essa casinha vintage eu fiquei tão encantada. Eu lembro de um post que fiz aqui há muito tempo atrás, de um loft vintage. Acho ele lindo, incrível, maravilhoso. Mas, aqui pra nós, é uma casa de revista, né? Essa daqui não, ela é tão verdadeira. Cheia de detalhes lindos e possíveis. Você vê que tem alma, que tem gente, que tem vida. E isso me encanta, essa coisa de casa de verdade.

Adorei tudo, desde os letreiros espalhados, aos galhinhos colados com adesivo texturizado, as luzinhas, bandeirinhas. Tudo é tão fofo, né? Eu tenho dificuldade em dar uma personalidade definida a uma decoração. Lá em casa tenho coisas rústicas, coisas modernas, coisas sem definição hahaha Mas achei essa casinha vintage muito bem apropriada desse termo, valorizei ;)

Então fica uma inspiração vintage, por um fim de semana mais fofo <3

 

sopa de brócolis com frango e queijo

sopa de brocolis com frango e queijoEu adoro sopa, e tem dias que eu tô com desejo de uma sopinha como se só ela pudesse salvar minha noite. Já me desbanquei a percorrer quilômetros só pra ir no Sopa Quente tomar uma sopa gratinada. Mas como não é sempre que eu tenho essa disposição, fui vendo outros lugares mais perto pra tomar meu querido caldinho. Mas, aqui pra nós, tem dias que a gente quer fazer do nosso jeitinho, né? Pode ser simples, fácil, besta. Mas só nossa sopa vai confortar.

O problema (ou solução) é que essa vontade bateu esses dias quando eu não tinha nada na geladeira. Sabe quando não tem nada? Pronto. Não tinha uma cenourinha pra contar história, uma batata, um nada. Mas me lembrei que tinha um saco de brócolis congelados e esquecidos que foram eleitos para salvar a noite. E salvaram. Ah, e eu também tinha, como sempre, peitos de frango temperados com sal, pimenta, alho e limão na geladeira. Aí foi fácil.

Peguei o frango e coloquei pra cozinhar com água suficiente pra cobrir os peitos (do frango, claro hahaha). Aí depois de deixar bem cozidos eu adicionei na mesma água, que já era um caldo de frango, o brócolis pra cozinhar. Quando eles estavam mais macios eu tirei o frango e coloquei numa tigela pra desfiar. Então peguei o mixer e bati o brócolis naquele caldo até virar quase um creme.

Confesso que não ficou assim tããão cremoso… Então tirei um pouco do caldo, dissolvi uma colherzinha de amido de milho. Dei um tempo fervendo e pra ficar mais mais cremosinho eu coloquei umas duas colheres de requeijão light e bingo, ficou no ponto. Aí foi só juntar o peito de frango já desfiado e ser feliz.

Pra dar um toque ainda mais mais mais (sabe?), eu coloquei umas fatias de queijo coalho light, desses que derrete, por cima e pronto. Eu sei que a foto não ficou bonita, desculpa aí… Mas estava uma delícia e aqueceu meu coração quando eu precisei <3 Então se você precisar de uma sopinha e tiver esses três ingredientes básicos (frango, brócolis e requeijão), não tenha medo, pode ir com fé.

Página 30 de 226« Primeira...1020...27282930313233...405060...Última »