home sobre mim sobre o blog mídia kit

Todos os posts sobre arroz à piamontese

minha pequena ceia


Estranhou que no post do meu Natal não teve comida, né? Pois aqui estão :) Não foi uma ceia com aquele já conhecido derramamento de comida das grandes ceias das grandes famílias, mas foi o suficiente para deixar aquela sobra gostosa para o almoço do dia seguinte :D Gente, é sério. Eu amo comer resto de ceia no dia 25. Já fico esperando a hora do almoço :P

Todos os anos mamis ganha da empresa um belo peru, e ela sempre faz essa farofa com os miudos e recheia ele. É a minha tentação. Do mesmo jeito que eu sempre sonho com o camarão de coco na Semana Santa na casa da minha tia, eu sonho com essa farofa do peru da minha mãe no Natal. Aí como mamis estava machucada por conta de uma queda, eu dei conta do restante da ceia.

A pedido de mamis, fiz um arroz à piamontese, e como tinha comido um delicioso lá na casa da Cami, peguei a receita Na Minha Panela e ficou perfeito :) Aí fiz também umas batatas meio doidas. Eu não sabia como ia preparar, mamis só tinha pedido pra ser batata. Então lavei bem direitinho e coloquei elas pra cozinhar com casca e tudo. Elas cozinharam e eu ainda n sabia o que ia fazer. Aí resolvi ir partindo e ela ficou assim, então achei que valia uma refogada no alho, já que ela ainda estava durinha e não ia simplesmente virar purê. Refoguei muito alho no azeite, acertei o sal e mandei a batata pra dentro. Não satisfeita, joguei numa travessa, povilhei parmesão ralado por cima e taquei no forno. E não é que ficou boa? Também não tinha muito segredo, né? Batata, alho e queijo não tem como dar errado :P

E de sobremesa, como mamis está evitando chocolate e coisas com cafeína, fiz a minha melhor receita de cheesecake, que já postei aqui. Mas essa eu fiz um pouco diferente. Eu ia fazer sem massa mesmo, mas lembrei que tinha sobrado um pouco da farinha de amêndoas de quando a gente fez os macarons, e resolvi misturar com um pouco de manteiga, açúcar mascavo e fiz essa camada de baixo. Levei no forno um pouco antes de colocar o recheio, e depois foi ao forno de novo pelo tempo da receita. Cobri com geléia de amora e voilá, estava pronto um delicioso cheesecake de três camadas :)

Pode parecer pouca comida, mas eu comi até dormri, literamente, e todo mundo comeu muito bem. A felicidade foi a sobra pro almoço do dia seguinte, onde tudo parecia ainda mais gostoso. Nem o arroz ficou ruim, já que o ideal é servir ele na hora. Dei uma dissolvidinha nele com um pouco de leite, ralei mais queijo parmesão e continuou uma delícia.

E essa foi minha pequena, porém deliciosa, ceia de Natal :)



© 2016 - ideias de fim de semana