home sobre mim sobre o blog mídia kit

Todos os posts sobre cachoeira

um pulinho no parque nacional de itatiaia


cachoeira veu da noiva 2O fim de semana que passei em Penedo com papai foi super rápido… No domingo estávamos todos cansados da caminhada no Vale do Alcantilado, meu irmão já tava preferido piscina em casa a sair pra ver a rua, Angélica tava com dor pra fazer qualquer caminhada, e eu e papai estávamos mais com preguiça mesmo eheheh :P Mas como o domingo era meu último dia por lá, já que ia na segunda de manhã pro Rio, resolvemos ir no Parque Nacional do Itatiaia.

Papai disse que há 20 anos eu fui uma criança feliz por aí, pela mata, mas claro que não me lembrava de nada hahaha :P Aí entramos com a promessa de ir só até onde desse pra ir de carro, tinha ninguém muito afim de caminhar. Mas seguimos a dica do moço na portaria: subam direto até o acesso das cachoeiras e depois voltem visitando os lugares. Então fizemos. Quando chegamos no estacionamento, tinha uma placa apontando uma escada e dizendo que tinha uma cachoeira, e eu apenas fui descendo :P Chegando lá…cachoeira da maromba cachoeira da maromba 2Minha gente, que coisa linda! O Poção da Maromba é uma super piscina transparente com uma cachoeira e esse visual incrível das plantas e do céu azul. Fiquei arrasada de não estar de biquíni :( Mas valeu contemplar :) Saindo de lá, tinha a placa pra subir até a cachoeira Véu da Noiva, e eu já tava animada pra fazer a trilha. O cansaço já tinha passado só de ver essa beleza toda. Então mesmo sem estar com os calçados adequados, eu e papai seguimos pela trilha da Véu da Noiva e foi a melhor coisa que poderíamos ter feito no dia.

cachoeira veu da noiva 3A trilha é tranquila, e apesar de não ter a estrutura tão preparada quanto as do Vale do Alcantilado, foi bem tranquilo de chegar. E dava pra ver também gente de todas as idades indo e vindo. Ao chegar no pé da cachoeira, só conseguia me concentrar nos respingos de água em mim. Depois de tirar as selfies com papai (aí gosta de selfie, viu hahaha <3) fiquei um tempo de olho fechado apenas sentindo o respingar da água como quem faz uma oração de agradecimento.cachoeira veu da noiva 4 cachoeira veu da noivaMinha gente, é sério. Eu saí da cachoeira parecia que eu tinha tomado muito café, comido muito açúcar, não sei. Eu estava quicando! Cheeeeia de energia, feliz, saltitando, andando de braços abertos, rindo alto, impressionante. A bateria recarregou no topo, sabe? Foi intenso. Essa cachoeira tem algo de especial, sério mesmo. Ela não tem acesso pra banho, mas tenho certeza que se tivesse seria um banho mágico. Porque a energia dela é coisa séria.

Saindo de lá paramos num hotel que tem lá em cima pra tomar uma cervejinha contemplando a vista panorâmica do parque e seguimos direto pra buscar meu irmão pra almoçar, já quase no fim da tarde.parque nacional de itatiaia 2O Parque Nacional do Itatiaia tem muuuuuitas outras atrações. É o tipo de lugar pra ir passar o dia inteiro, e depois voltar, e voltar. Fiquei devendo conhecer muita coisa, mas saí com a sensação de que tive tudo que precisava e merecia para aquele dia. Foi mágico.

E entre tanta beleza, até as borboletas de lá, que tem de todos os tamanhos e cores, são amigas. Tem coisa mais massa? :) Espero não precisar esperar mais 20 anos pra voltar lá de novo hahaha :Pparque nacional itatiaia


vale do alcantilado – visconde de mauá


Papai está morando em Penedo, no estado do Rio de Janeiro, e eu fui passar uns dias com ele por lá. Já tinha ouvido falar das cachoeiras da região, Itatiaia, Mauá, mas mesmo assim não sabia que era tão incrível. Fui num passeio despretensioso e surpreendente. Com a câmera numa mão e o celular na outra, eu não consegui nem de perto traduzir a beleza do lugar em um clique. Até porque às vezes eu só conseguia ficar parada contemplando aquela beleza toda, recebendo respingos de água no corpo e relaxando. É energizante!

vale-do-alcantilado 6Começamos pelo Vale do Alcantilado, um passeio em família para um ecoturismo de baixo impacto hehehe :P Digo isso porque a estrutura do lugar é incrível, e dá acesso a gente de todas as idades. São 9 cachoeiras num percurso de 1.5km (3km ida e volta), então mesmo que o acesso seja facilitado com escadas, corrimão, cordas e tudo mais, é bom estar com um calçado adequado pra esse tipo de passeio. Antes de começar, mandamos pra dentro um Feijão Amigo, que é um caldinho de feijão bem temperado e quentinho. Ideal pra dar uma forrada no estômago e uma aquecida pra começar a caminhada. vale do alcantilado terraEu fui de short, botinha um casaco, já que no dia da nossa caminhada o tempo estava meio fechado e frozinho. Mas quando começa o sobe e desce, esquenta logo e o casaco fica mais pra se proteger dos bichinhos hehe :P A trilha segue a ordem das seguintes atrações: Cachoeirinha, que é a mais indicada pra banho. É logo a primeira, a vontade era de pular logo assim que cheguei! Mas segui os conselhos de papai de deixar pro final, na volta. Depois, seguimos pra Poço da Areia, Poço das Raízes, Cachoeira do Açude, Cachoeira da Muralha, Mirante, Cachoeira do Lajeado, Cachoeira da Toca, Cachoeira da Gruta do Granito e por fim a Cachoeira do Alcantilado.

vale-do-alcantilado 2 vale-do-alcantilado 5 vale-do-alcantilado 7Lá todo lugar que a gente olha, é lindo. Tipo papel de parede de computador hahaha :P Mesmo que sejam só algumas pedras com plantas, é lindo e dá vontade de ficar muito tempo olhando. vale-do-alcantilado 8 vale-do-alcantilado 9 vale-do-alcantilado 10Tem mirante, tem totem de pedrinhas, tem água caindo por todo lugar, tem plantas de vários tipos, tem tanta coisa linda. O ar é lindo de respirar, sabe como é? Pois é.vale-do-alcantilado 11 vale-do-alcantilado 14 vale-do-alcantilado 13A última cachoeira é onde demoramos mais pra chegar. É uma trilha de 350m (parece pouco, né?) de subidas, escorregadas, gruta, toca, lodo, mais subidas. É cansativo, mas lá em cima é lindo. É essa última foto aí, a cachoeira que dá nome ao vale. Depois disso, a volta é até tranquila, e eu voltei super animada pra hora de entrar nas águas congelantes hehehe :Pvale-do-alcantilado 12 vale-do-alcantilado 4vale do alcantiladoMinha gente, que água CONGELANTE! Eu sabia que ia ser fria, mas a cada passo pra dentro da água eu sentia mais partes do meu corpo ficando dormentes. E quando eu mergulhei e molhei a cabeça, eu senti uma dificuldade instantânea de respirar! Como se todos os meus músculos da respiração se contraíssem e não tinha ar certo pra entrar. Mas passa rapidinho hehehe :P E já que eu estava dentro, eu tinha que entrar meeeesmo embaixo da queda d’água, né? Pareciam que estavam jogando pedras de gelo na minha cabeça, mas estava uma delícia até começar a doer hahaha Eu terminei saindo rápido, mas quando meu irmão animou entrar eu fui entrar com ele e levei uma super queda. Ralei o braço as costas ao pisar numa pedra solta logo na entrada da água. Então fica o alerta pra ter cuidado redobrado com as pedras dentro da água. :)

Falando assim, até parece que foi ruim, né? Mas tem nada mais energizante do que um banho de cachoeira. Eu, que sou acostumada com as águas quentes das praias do Nordeste, senti como se fosse a primeira vez que eu estivesse tomando banho de cachoeira, apesar de já ter tomado várias vezes em outros lugares. Mas como dizem que você nunca entra duas vezes no mesmo rio, porque quando você entra a água já é outra, então sinto que será sempre com uma primeira vez. Uma descoberta deliciosa a cada gota d’água. vale do alcantilado 16 vale do alcantilado 15 vale-do-alcantilado 3Por fim, a dica é parar na Pastelaria do Alcantilado que tem no final/ começo da caminhada pra reabastecer hehehe :P O pastel é uma delícia, a cerveja é gelada, podemos colher as laranjas do pé pra levar e ainda dá pra ficar olhando lindos passarinhos indo e vindo.

Sem dúvidas a visita a Visconde de Mauá e ao Vale do Alcantilado é inesquecível, e é o tipo de lugar que dá vontade de voltar, e voltar, e voltar. Então quem puder ir, vá. Quem puder voltar, volte. Que eu sigo daqui já com saudade desse dia incrível. :)



© 2016 - ideias de fim de semana