home sobre mim sobre o blog mídia kit

Todos os posts sobre cestinha de ricota e palmito

petiscos vegetarianos


Poucas coisas são melhores do que receber os amigos em casa pra tomar uma, petiscar e falar merda. Melhor ainda quando são só mulheres fofocando, falando da vida dos outros, de safadeza e ainda por cima cortando os cabelos hahaha :P Foi uma quarta-feira melhor do que a encomenda. Depois de adiar esse encontrinho por semanas, eu, Dani (do Ricota Não Derrete), Lila e Rafa conseguimos nos reunir. Como Dani e Lila são vegetarianas, o menu dos petiscos foi bem diferente do que eu apresentei quando recebi os meninos lá em casa e mostrei aqui nesse outro post de petiscos. Esses são vegetarianos e não levam nada de bicho e nem ovo, só leite e queijos. Então resolvi trazer um pouco do que foi nossa noite :D

Geléia de Pimentãogeleia de pimentaogeleia de pimentaoPrimeiro: tire essa careta que você fez quando leu PIMENTÃO. Essa geléia é feita com pimentão vermelho e todo mundo (eu disse TODO MUNDO) que disse não gostar de pimentão amou (eu disse AMOU) a geléia. Então por favor, tire a capa do preconceito e foca nessa geléia simples e deliciosa, que vai muito bem com um queijo prato esférico, gouda, itálico, brie, entre outros.

Usei dois pimentões vermelhos grandes e tirei a pele deles naquele esquema de queimar direto na boca do fogão, sabe? Você pega o pimentão e coloca em cima do fogão, direto na chama, sem nada. Aí ele vai queimando e você vai virando com a ajuda de uma pinça (no meu caso foi um pegador de macarrão mesmo). Aí quando a pele já estiver bem preta e queimada de todos os lados, você pega e coloca dentro de um saco plástico e fecha, abafando. Deixa por uns 5 ou 10 minutos e depois lava em água corrente. Toda a pele queimada sai e você tem o pimentão com um sabor de defumado, cozido, sem acidez e delicioso.

Eu cortei os dois em pequenos pedaços, na esperança de que com o tempo de fogo eles fossem se desfazer e virar uma pasta com uma boa textura. Mas eu estava enganada. De toda forma, foi como eu fiz. Cortei os dois pimentões em pequenos pedaços e coloquei na panela com 4 copos americanos de água e 1 copo de açúcar. Eu achei que o resultado ficou muito doce, então da próxima vez vou usar coisa de 3/4 do copo de açúcar, mas fica ao gosto do freguês. :) Aí é deixar em fogo baixo, fervendo e cozinhando. Depois de um tempo eu peguei o mixer e bati uma parte, direto na panela mesmo, deixando uns pedaços inteiros ainda pra dar uma textura mais legal. E deixei fervendo e reduzindo.

Eu não sei exatamente quanto tempo foi, confesso, mas é só ficar de olho e ir vendo se está encorpando sem queimar. Depois que esfria ainda fica um pouco mais durinha, então não precisa se preocupar. Servir gelada com queijo e amor <3

Cestinhas de palmito e ricota

cestinha de ricota com palmitocestinha de ricota com palmitoQuando eu postei os petiscos que eu fiz quando recebi os meninos, coloquei a receita da cestinha de frango e disse o quanto ela era versátil, né? Pronto. Esse recheio eu fiz com ricota, palmito, creme de ricota, uns pedaços de tomate e gratinei com queijo prato esférico que roubei do petisco da geléia aí de cima. Ficou uma delícia. :D

Guacamole

receita guacamolereceita guacamoleEssa receita não fui eu que fiz, mas com certeza vai figurar o cardápio de alguma próxima festinha. É linda, deliciosa e vai muito bem com uma cervejinha gelada. A receita quem preparou foi Rafa, mas ela me passou e eu trago aqui pra vocês :D E o melhor é que como é tudo cru, fica prático de preparar em qualquer lugar. Ah, e se você também não gosta de abacate, segue o mesmo conselho da geléia. Eu também não gosto de abacate e AMEI esse guacamole. Vai por mim.

Você pega meio abacate e amassa bem. A gente usou espremedor de batata, mas pode ser na fé do garfo também. Aí junta meio tomate maduro bem picadinho, pimenta biquinho picada e o sumo de 1 limão. A receita original leva também meia cebola roxa bem picadinha, mas como eu tenho maior problema com cebola crua e Dani também tem gastrite e é bom evitar, ela foi sumariamente retirada da receita e tenho que dizer: perdeu nada. hahahaha :P Ficou ótimo! A gente comeu com essas batatas tipo Pringles de cebola e salsa, mas vale comer com qualquer coisa que faça a base, porque o bicho é bom até puro.

Só tem que se ligar que como leva limão, ele começa a escurecer com o tempo. Então é tipo, preparar e comer. Não que eu precise dizer isso, porque com certeza será detonado rapidamente, mas fica a dica de não preparar com antecedência ;)

E como nem só de petiscos se vive a vida, Dani ainda ARRASOU no brownie sem ovo, sem leite e com muuuuito sabor. Sério, gente. Ele derrete na boca. Coisa de louco. A receita tá lá no Ricota Não Derrete e a foto aqui tá imoral, hein?

brownie vegetarianoE como eu disse, cortamos os cabelos! Sim sim, Dani é fera. Além de cantar, dançar e representar lá no Ricota, ela ainda corta o cabelo das amigas. E faz sobrancelha. E maquiagem. É um pacote completo, viu? Todo mundo merecia ter uma Dani na sua vida hahaha :P E eis que entreguei minhas madeixas pra ela com a seguinte observação: estava com saudade do meu cabelo grande, não queria tirar muito do comprimento…. Mas preciso de um corte, uma leveza, um repicado, um toque Dani mesmo, sabe? E ela foi com fé. Nas fotos pode nem parecer muito, e na verdade mudou pouco pra quem vê de fora. Mas eu acordei mais leve e os olhos mais atentos até elogiaram. :D

Antes

corte de cabelo antes

Durantecorte de cabelo durante

Depoiscorte de cabelo depois No dia seguinte (com cara de sono e ressaca) corte de cabelo depoisAlém de mim, Rafa também cortou o cabelo. Mas ela é muito mais linda e ousada, e Dani arrasou no corte. Acho eu que em breve estará lá no Ricota, então vou evitar spoilers e deixar vocês verem por lá, tá bom? hahaha :P

Dani, Lila e Rafa, que noite massa! Vocês são umas lindas mesmo. <3

Gente, aproveita as receitas pro final de semana! Abre uma cerveja e vai com fé ;)



© 2016 - ideias de fim de semana