home sobre mim sobre o blog mídia kit

Todos os posts sobre confraternização

caldinho de camarão


caldinho de camaraoCom esse clima de fim de ano e as confraternizações chegando, sempre é tempo de reunir os amigos e a família, né? Seja numa festa, num barzinho ou em casa mesmo. O que importa é reunir, rir, brindar e comemorar. :D Então pra entrar nesse clima, que tal um bom caldinho de camarão?

Eu adoro tomar um caldinho enquanto beberico minha cerveja gelada. Acho um petisco perfeito. Seja de feijão, feijoada, peixe, camarão, marisco ou de qualquer outra coisa. A verdade é que um bom caldinho pode até salvar uma cerveja ruim hahaha :P E, aqui pra nós, esse caldinho ficou maravilhoso! Se liga na receita que é um pouco trabalhosa mas, vai por mim, vale a pena. Ah, antes de tudo, coloca a cerveja no congelador, tá? Porque tanto vale ir bebericando enquanto prepara, quanto ela tem que estar geladinha quando o caldinho estiver pronto. Afinal, foram feitos um pro outro <3

caldinho de camaraocaldinho de camaraocaldinho de camaraocaldinho de camaraoEu comprei 1kg de camarão médio, fresco e inteiro. Gente, o que dá o gosto do camarão é a casca e a cabeça. Então vamos largar mão de um tempinho a mais pra descascar os camarões na hora que faz toda a diferença. Então separa a casca e as cabeças numa panela onde vamos fazer o caldo, e coloca os filés pra temperar. Eu usei 1 dose de cachaça (mas pode ser limão se você preferir), 3 dentes de alho picados, pimenta do reino e sal. Deixa lá quietinho.

Pro caldo coloquei as cascas e cabeças junto com 1 cebola grande em rodelas, 3 dentes de alho, salsa picada e sal a gosto, e cobri tudo com água. Como eu gosto de um caldinho mais encorpado e cremoso, juntei a esse caldo uns 600g de macaxeira (ou mandioca) pra cozinhar junto. Pode ser batata inglesa se preferir. Então deixa tudo isso ferver bem muito até a macaxeira ficar macia, a ponto de bater no liquidificador sem problemas.

caldinho de camaraocaldinho de camarao Então pega tudo isso do caldo e bate no liquidificador. Bate com fé até ficar beeeem homogêneo. Aí passa tudo na peneira pra tirar o “bagaço” e volta com o caldo pra panela. É hora de juntar 340g de Molho de Tomate Pronto Tambaú pra dar aquele tempero e aquela cor. Depois mistura 500ml de Leite de Coco Tambaú e PRE-PARA! Porque a cozinha vai inteira mergulhar naquele cheiro incrível de camarão com coco que, olha… É de dar água na boca. Nesse momento é bom você testar o sal, já que o molho já é temperado e o leite de coco meio doce. Então dá aquela acertada a seu gosto e deixa tudo isso aí fervendo enquanto você parte para o camarão.

caldinho de camaraocaldinho de camaraoAí você pega o camarão que tá lá meio bêbado no tempero com cachaça e vai dar uma refogada nele até deixar rosinha. Cuidado pra não refogar muito e o camarão sumir e ficar duro, tá? É só até deixar rosinha mesmo, até porque ele ainda vai dar uma cozinhada no caldo. Então mistura tudo e ALEGRIA! Tá pronto o caldinho de camarão da galera.

caldinho de camaraoPra servir é sempre bom oferecer uns temperos pra quem quiser dar um up na sua porção, né? Então pode colocar umas bandas de limão, azeitonas, queijo coalho em cubos, o Molho de Alho Tambaú, o Molho de Pimenta Pinga Fogo Tambaú, sal e até um alho frito é bem vindo.

Gente, vai por mim que esse será o petisco sucesso da confraternização da galera. ;)

caldinho de camaraoPS.: Fica aqui uma dica. Se você quiser transformar esse caldinho num bom bobó de camarão, é só aumentar a quantidade de macaxeira da receita pra 1,5kg mais ou menos. Aí também vale aumentar a quantidade de camarão, mas eu deixe você comprar 1kg só do filé dessa vez, já que as cascas e cabeças de 1kg de camarão já são suficientes pra receita ;)

 

* Post em parceria com a Tambaú Alimentos


bar do peixe


bar do peixebar do peixebar do peixebar do peixebar do peixebar do peixebar do peixebar do peixeEu já falei o quanto eu adoro um buteco, né? Pois é. Desses simples, pra ir de chinelo depois da praia, sem frescura. Adoro. E o Bar do Peixe é exatamente assim. Além de ter a melhor posta de peixe frita que eu já comi na vida. Sério, gente. O corte é alto, aí ela fica bem suculenta, desmanchando na boca. Imoral.

O Bar do Peixe fica em Brasília Teimosa, e quem quiser conhecer o endereço está aqui.

A cerveja é sempre gelada e vai muito bem com um caldinho de marisco pra começar os trabalhos. :) Eu sugiro pedir a posta de pescada, que é carne branquinha e bem suculenta. Pra quem gosta dos peixes com carne mais escura, o Albacora é enorme e bem bonito.

O pirão e o arroz, misturadinhos, pra dar a sustança e bater na fraqueza. Ô coisa boa, gente. Você sentar de frente pro mar, comendo essas delícias, com uma cerveja gelada e a companhia dos amigos é ser feliz no paraíso, sério mesmo. Olhar uns cachorros de rua brincando, uns gatos passando e o sol atravessando de um lado para o outro.

Ontem fui encontrar com dois amigos muito amados, Yuri e Thiago, para a nossa confraternziação de fim de ano. Amigos desde o primeiro período da faculdade, eu só tenho boas histórias pra contar ao lado desses dois. E foi entre uma história e outra, que a gente se empanturrou de peixe frito e cerveja, vendo o dia virar noite.

E assim a gente mostrou com quantos brindes se faz uma boa confraternização. :D

Meninos, amo vocês. <3

bar do peixe

 


jantar com os amigos


Estamos em época de confraternizações, né? Ontem foi o dia de confraternizar com o querido casal de amigos Rafa e Cami, do Na Minha Panela. Há três anos eu e Paolo somos amigos desse casal de cariocas, e já passamos poucas e boas juntos :) Viajamos, comemos, bebemos, jogamos, brincamos como criança e demos algumas muitas risadas juntos. São, sem dúvidas, um casal que mora no nosso coração :)

E enquanto todas as empresas, escolas, faculdades e todo conglomerado de pessoas está comemorando tudo de bom que aconteceu em 2010, ontem foi nossa noite, mais uma noite, para celebrar a amizade de um casal tão querido.

E claro que eu não ia deixar isso barato, né? Com comidas do Na Minha Panela na minha frente (e posteriormente no meu estômago) eu não poderia deixar de fazer um post pra mostrar como eu tenho a sorte de, por muitas vezes, ser alvo daquelas delícias que muitos só babam pelo blog :P

De entrada tinha queijinho com geléia de pimenta caseira da Cami, que ficou aquelas geléias de verdade, sabe? Tinham também tomates secos com torradinha. Adoro. Enquando Paolo e Rafa bebericavam o vinho, eu sem aguentar o calor nem o sabor (ainda), fui na minha velha e boa cervejinha :P

Para o jantar, Cami fez um delicioso arroz à piamontese super cremoso, que acompanhou essas batatas salteadas no sal e alho e escalopes de carne ao molho de vinho. Estava tudo uma delícia e com aquele gostinho de quero mais. Comi mais do que devia, afinal, o que seria das confraternizações sem os exageros? Eu tinha até esquecido de guardar o espaço para a sobremesa, mas comi sem espaço mesmo. Foi um doce de banana servido quentinho por baixo de um sorvete de creme. Delícia, viu? Adoro doces e caldas quentes pra comer com sorvete :D

Depois, para esperar a comida descer para as pernas como diria mamis, ficamos assistindo aqueles programas onde as pessoas malucas comem comidas exóticas (pra não dizer nojentas), e isso fez com que a gente achasse o jantar ainda melhor. Acho que foi técnica carioca. hahahaha



© 2016 - ideias de fim de semana