home sobre mim sobre o blog mídia kit

Todos os posts sobre EUA

uma casa no meio do deserto


casa no desertocasa no desertocasa no desertocasa no desertocasa no desertocasa no desertoNem casa de praia, nem casa de campo. É casa do deserto mesmo. Tenho que dizer que parece legal, parece ser um lugar calmo e ótimo para reunir a família, os amigos, passar um fim de semana ou feriado. Mas parar morar eu não sei não, viu? Sinto falta do verde, das plantas, das flores, das árvores, das frutas, sabe? Sinto falta de um pouco de vida, a verdade é essa.

Segundo o The New York Times, até o próprio casal morador disse que de primeira a vista pareceu estranha, mas que com o tempo foi ficando mais acolhedor e aconchegante. Inclusive Sr. Ercolani disse que durante a noite dá pra ver até o movimento das estrelas, o que me fez ficar pensando como deve ser LINDA uma noite de lua cheia por aí. Imagina, só?

Essa casa fica em Nevada, Estados Unidos, e tem 1200m2, o que é MUITA coisa. Na verdade, ela não parece tão grande quanto mede, né? O que eu mais gostei da casa inteira foi a iluminação natural. Janelões, portões, clarabóias, tudo. O brancão da decoração ajuda a distribuir essa cor, e os detalhes vermelhos dão o ar quente do deserto. Eu gostei.

Essa casa não tem ar condicionado, apesar de parecer ficar num lugar tão quente. Ventiladores de teto são suficientes, e eles estão por toda a casa. E, acreditem ou não, o arquiteto não conheceu seus clientes até o final do projeto. Tudo foi resolvido por e-mail. Existe isso, gente? Talvez a casa não tenha a cara dos seus moradores, mas no final das contas ela ficou bem bonita.

Um ótimo começo de semana para todos :)


cafés da manhã pelo mundo


Esse é o tradicional café da manhã inglês. Conhecido como Full English Breakfast, ele vai de torrada com ovos, bacon, linguiça e um feijão branco com um molho vermelho meio adocicado. É, eu tive o desprazer de provar esse negócio, e relamente não é a melhor coisa do mundo pra começar o dia.

Na China o destaque do desejum é o Youtiao, massa de farinha frita cortada em forma de palitos, que acompanha arroz e leite de soja.

Ah o café da manhã francês. É sem dúvida um dos poucos que realmente tem cara de café da manhã pra mim. Um croissant, ou um brioche, ou ainda uma baguete, companhados de um cream cheese e um bom café bem quente. Esse eu tive o prazer de provar por lá, e volta e meia tento repetí-lo por aqui também. O meu preferido, sem dúvidas.

No Vietnã o dia começa com uma sopa de frango típica, conhecida como Pho, que leva arroz e outros ingredientes, como salsa, cebolinha e hortelã. Dizem ser um dos mais nutritivos do mundo, mas café da manhã temperado desse jeito, e com cara de jantar, não é pra mim não.

A Espanha desperta ao sabor de churros e chocolate quente. Ai que delícia! Isso se eu gostasse de churros… Mas eu fico com o chocolate quente e roubo um croissant lá da frança pra acompanhar :P

O café da manhã na Irlanda até que lembra o inglês, mas sem aquele feijão tão incoveniente. Tudo bem que essas fatias de bacon e essas linguiças ainda deixam ele um pouco indigesto para mim, e os irlandeses ainda incorporam o White Pudding, que é uma massa a base de manteiga, aveia, cebola e especiarias. Posso ficar só com o suco de laranja? :P

Olha o café da manhã americano ai. Eu senti falta das panquecas na foto, com mel ou geléia. Mas um bagel, que nada mais é do que esse pão branco em forma de rosca, recheado com presunto defumado e um bom cream cheese tá valendo né?

Dizem que os italianos passam bem o café da manhã só com uma xícara de café com leite vaporizado, mas eu não perderia a oportunidade de acompanhar esse café com uma boa fatia de pão italiano e uma boa manteiga.

E eu que nem sabia que existia acarajé fora da Bahia… Rá! Brincadeira :P Na Nigéria o dia começa com um acarajé recheado com oji, uma espécie de creme feito de nata. O prato é servido com diversos tipos de molhos e com ‘Moi Moi’, um pudim feito com feijão, cebola e pimentões.

O Irã é mais um lugar que toma café da manhã com cara de almoço, ou jantar. No inverno eles preparam essa espécie de sopa, feita com trigo, canela, manteiga e açúcar, que é misturado com peru, cordeiro ou frango cortado em tiras. Eles cozinham tudo junto e servem. É, realmente não dá pra mim.

E no Oriente Médio eles comem no café da manhã o que eu comeria de entrada no jantar, ou até como petisco à noite. Esse creme é chamado de Labneh, e é feito de iogurte elaborado com especiarias, como hortelã e tomilho, conservado no azeite de oliva. Eles passam em pães ou torradas e pronto, estão prontos pra começar o dia.

Interessante né? Como as culturas são tão diferentes. Eu vi lá no Msn Viagem e adorei.



© 2017 - ideias de fim de semana