home sobre mim sobre o blog mídia kit

Todos os posts sobre casa

uma casa no meio do deserto


casa no desertocasa no desertocasa no desertocasa no desertocasa no desertocasa no desertoNem casa de praia, nem casa de campo. É casa do deserto mesmo. Tenho que dizer que parece legal, parece ser um lugar calmo e ótimo para reunir a família, os amigos, passar um fim de semana ou feriado. Mas parar morar eu não sei não, viu? Sinto falta do verde, das plantas, das flores, das árvores, das frutas, sabe? Sinto falta de um pouco de vida, a verdade é essa.

Segundo o The New York Times, até o próprio casal morador disse que de primeira a vista pareceu estranha, mas que com o tempo foi ficando mais acolhedor e aconchegante. Inclusive Sr. Ercolani disse que durante a noite dá pra ver até o movimento das estrelas, o que me fez ficar pensando como deve ser LINDA uma noite de lua cheia por aí. Imagina, só?

Essa casa fica em Nevada, Estados Unidos, e tem 1200m2, o que é MUITA coisa. Na verdade, ela não parece tão grande quanto mede, né? O que eu mais gostei da casa inteira foi a iluminação natural. Janelões, portões, clarabóias, tudo. O brancão da decoração ajuda a distribuir essa cor, e os detalhes vermelhos dão o ar quente do deserto. Eu gostei.

Essa casa não tem ar condicionado, apesar de parecer ficar num lugar tão quente. Ventiladores de teto são suficientes, e eles estão por toda a casa. E, acreditem ou não, o arquiteto não conheceu seus clientes até o final do projeto. Tudo foi resolvido por e-mail. Existe isso, gente? Talvez a casa não tenha a cara dos seus moradores, mas no final das contas ela ficou bem bonita.

Um ótimo começo de semana para todos :)


decoração vintage


decoracao vintagedecoracao vintagedecoracao vintagedecoracao vintagedecoracao vintagedecoracao vintagedecoracao vintageEu acho que nunca vi uma casa tão verdadeiramente “vintage” na minha vida. Você vê umas casas com toques retrô e essas coisas, mas esse loft é vintage DE VERDADE. Né? E eu fiquei encantada quando vi esse post lá no FreshHome.

Esse loft fica em Barcelona e é onde mora um jovem casal com seus dois filhos. É uma casa antiga de verdade que recebeu pequenas reformas para acomodar essa família. O pé direito alto, as janelas enormes, as paredes de tijolo, tudo tão lindo e tão ideal para a decoração que eles ecolheram, né?

Sabe o que eu mais gosto da decoração vintage? É que ela tem seus toques rústicos, do jeito que eu gosto, e modernos, do jeito que a gente precisa. Então é uma casa que consegue ser linda e funcional ao mesmo tempo. Retrô e moderna. Tudo junto. Fiquei encantada, sério mesmo.

Os toques em cor-de-rosa, a cozinha toda em inox com essa geladeira maravilhosa, os objetos “desgastados” nos quartos, as peças antigas, tudo me encantou muito. E as almofadas, né? Como sempre. Eu sou a louca das almofadas. Amei as de pelo, as cor-de-rosa, as verdes mais rústicas, amei todas. Quero todas, ao mesmo tempo e misturadas! hahaha :)

Agora eu vou sair da frente do computador antes que eu queira me enfiar dentro de uma loja cheia desses produtinhos vintage e gastar o dinheiro todo da minha vida. Ok. Não vai adiantar. Eu já quero. Socorro?

 


uma casa rústica onde eu moraria


casarusticacasarusticacasarusticacasarusticacasarusticacasarusticacasarusticacasarusticaEu moraria nessa casa. Sem tirar nem por. Na verdade eu tiraria ela da Espanha e colocaria na Toscana, mas fora isso, não mudaria nada. É difícil encontrar uma casa assim, que você bate o olho e tem vontade de chamar de sua, né? Mas foi exatamente esse o sentimento que eu tive quando vi essa casa no Freshome.

Ela é toda linda. Amei a sala com um sofazinho quase debaixo da escada e uma janela grande e baixa, que dá pra fazer de sofá. Fiquei pensando quantos livros eu leria ali, sentada. As paredes de pedra, por mais frias que elas sejam, sempre me passam uma sensação de calor e aconchego. Vai ver que é porque eu nunca morei numa casa de pedra :P

Mas além da estutura da casa, a decoração foi muito bem escolhida. As malas antigas, as velinhas, os livros. Tudo combina tão bem, né? Até o sofá que é claramente novo e mais moderno, ficou muito bem encaixado no contexto.

(Um parênteses pra dizer que eu não entendo essa mania de “decorar” os sofás e bancos com panos jogados arrastando no chão. Desculpa aí qualquer coisa, mas é que eu não entendo mesmo :P)

E o que é essa cozinha com uma parede de vidro? Gente, que coisa mais linda. A cozinha é escura, basicamente marrom, mas a luz que entra por esse mega janelão deixa o ambiente claro e cheio de vida. Eu adorei muito. Até porque a mesa de jantar fica perto do fogão, sonho de consumo meu faz tempo. Hoje eu ficaria satisfeita com uma cozinha americana, mas ter uma mesa grandona na cozinha pra poder reunir os amigos e a família enquanto eu esquento o bucho no fogão é desejo antigo :)

O quarto eu nem preciso comentar, né? Esse teto curvado todo em pedra e o chão de cimento queimado ganharam meu coração <3 Se fosse pra mudar alguma coisa, eu colocaria um piso de madeira, pra deixar um pouco mais confortável, mas tenho que dizer que adoro o tal cimento queimado.

E essa área externa é a coisa mais linda do mundo. O que é esse sofá grandão? Eu encheria tudo de plantas e flores e faria desse lugar o meu cantinho preferido da casa. Passaria várias tardes de primavera aí, cheia de inspiração pra atualizar o Ideias, só fazendo post lindo :D

Eu gostei muito dessa casa, como há muito tempo não gostava de uma. Adorei e quero me mudar pra lá ontem :P


uma igreja que virou casa


casanaigrejacasanaigrejacasanaigrejacasanaigrejacasanaigrejacasanaigrejacasanaigrejaNa semana passada eu tinha visto em algum blog esse projeto, que transformou uma igreja numa casa, na Holanda. Mas o link que eu tinha visto tinha poucas fotos, poucas informações, aí deixei pra lá. Mas então eu recebi um e-mail super atencioso do João Guilherme, dizendo que tinha visto esse link e que quando começou a ler só lembrou do Ideias. E com as fotos boas e as informações ficou fácil de trazer esse post pra vocês hoje :) Obrigada, João!

Esse projeto ousado foi do escritório Zecc Architecten, em Utrecht, Holanda. Eles transformaram uma igreja clássica nessa linda casa moderna. Incrível, né? Do lado de fora eles mantiveram a aparência da igreja, já do lado de dentro tudo mudou. Apesar dos vitrais, que além de lindos ajudam a trazer uma iluminação natural invejável, o interior da casa não remete nada a uma igreja.

Com paredes, tetos e piso pintados de branco, tudo fica claro, limpo e moderno. Um contraste muito interessante com a sua parte externa. Com poucas divisões internas, a casa ficou ampla, espaçosa e parece ser ainda maior do que ela já é. Os arquitetos fizeram poucas mudanças estruturais no interior, o que deixa o projeto ainda mais incrível porque né, não é fácil transformar uma igreja numa casa linda e bem dividida como essa.

Pra não dizer que eles romperam de todo com a estética da igreja, eles pegaram alguns bancos e fizeram a mesa larga de jantar. Ficou linda, né? Eu também adorei os quadros, que parecem um grito de rebeldia que quebra com a estética “perfeitinha” da casa. Eu não posso negar que o que eu mais gostei, sem dúvidas, foi o tamanho do pé direito da casa. O teto alto e abobadado dá um respiro na casa, parece que ela fica ainda maior e mais ventilada. Adoro mesmo.

No mais, curti muito a ousadia do projeto. A decoração é muito clean para o meu estilo, mas não posso negar que ficou linda e funcionou muito bem com a proposta. Lembrei de um bar que eu ia religiosamente (com trocadilho) todos os dias e onde comemorei o meu aniversário de 18 anos, quando estudei em Londres. O Church Pub, é em formato de igreja mas é usado para práticas muito menos religiosas do que morar e viver :P

Tá aí, eu moraria numa igreja e teria um pub em outra :P

Boa semana para todos :)

 



© 2017 - ideias de fim de semana