home sobre mim sobre o blog mídia kit

Todos os posts sobre cerveja

mercado central de belo horizonte


mercado de belo horizonte 1 mercado de belo horizonte 5 mercado de belo horizonte 4 mercado de belo horizonte 6 mercado de belo horizonte 7mercado de belo horizonte 3 mercado de belo horizonte 8 mercado de belo horizonte 9 mercado de belo horizonte 12 mercado de belo horizonte 13 mercado de belo horizonte 14 mercado de belo horizonte 11 mercado de belo horizonte 10 mercado de belo horizonte 15Eu amo mercados, do fundo do meu coração. E sei que o Mercado Central de Belo Horizonte não precisa de qualquer apresentação. Mas eu estava saudosa olhando as fotos da última viagem e pensei: vou começar a semana com esse gostinho de sábado e domingo que os mercados deixam. E comecei a separar umas fotos e reviver as delícias que conheci por lá. Claro que minha vontade era levar tudo, TUDO.

Como todo bom mercado, o de Belo Horizonte tem lugar pra beber, comer e comprar. Pra comprar a variedade é incrível. Eu, como uma boa filha de mineiro, sou viciada em queijos. Olhar um box desse com todos os tipos, tamanhos e preços é como quando um cachorro fica olhando aquelas churrasqueiras de galeto, sabe? Os olhinhos brilham. Pra levar eu comprei só o queijo cavala, esse tipo peitinho que fica pendurado, bem artesanal e que você come desfiando. Eu tinha ouvido que não podia mais vender, alguma coisa com a vigilância sanitária.. Mas parece que encontrei um lugarzinho para minha alegria <3 Mas vale a pena demais comprar o queijo canastra, minas padrão e quantos mais você puder levar. Querer, querer mesmo, eu queria todo o estoque de minas frescal. Mas esse daí já é mais difícil de levar, aí deixo pra comer só em Minas e guardar nele o gostinho da viagem. :)

Lá também é ótimo para temperos, pimentas, doces e, claro, cachaças. O doce de leite na palhinha é imbatível, junto com uma boa lata de Viçosa. Mas se você preferir, tem os doces cremosos que você escolhe, bota no pote, pesa e chora de alegria. A goiabada cremosa não é careta não, viu? As pimentas são ótimas pra você levar e conhecer, afinal, não dá pra ficar por aí experimentando todo tipo de pimenta sem querer sentar logo pra tomar um chopp. Então é pedir indicação na lojinha, escolher e provar pra ver se fez uma boa escolha. As cachaças, meu deus… Parece que todas estão reunidas ali. Você entra nas lojas de bebida e fica sem saber pra onde olhar. Entre mil nomes, rótulos e preços, é difícil escolher um pra levar. Mas você vai conversando, descobrindo e sempre encontra alguma que agrada. Então pra quem gosta, tem que comprar. Pra quem não gosta, compra de presente que não tem erro. :)

E claro que tem a parte das compras gerais, presentes, lembranças, decoração, moda, cozinha. Alguma dúvida de que eu queria levar as panelas de ferro e de pedra sabão? Imagina… Quis muito, muito. Mas me contentei em comprar coisas menores pra trazer, como brinquinhos e sandália. Mas ficar andando por todas as lojinhas você sempre encontra alguma coisa que é a cara de alguém e quer comprar de presente, encontra aquilo que você não sabia que existia mas que precisa muito a partir daquele momento, encontra tudo. O bom dos mercados é que você sempre encontra tudo.. Tudo!

E, claro, tem a parte boa: comer e beber. Os botecos de lá são ótimos. Cheios de cerveja gelada e petiscos gostosos. No Botiquin do Antonio a pedida é o chopp artesanal da Backer, escuro ou claro, pra tomar em pé no balcão. E, pra fechar minha viagem com chave de ouro, almocei esse incrível mexidão premiado lá no Casa Cheia, acompanhado de uma Serramalte estupidamente gelada. Então nem preciso dizer que o mercado foi um dos meus lugares preferidos de Belo Horizonte né? Já quero voltar. :)
mercado de belo horizonte 2 mercado de belo horizonte

mercado de belo horizonte 2


stadt jever, o bar da wäls


Stadt Jever 9 Stadt Jever 8 Stadt Jever 5 Stadt Jever 4 Stadt Jever 3 Stadt Jever 2 Stadt Jever 6 Stadt Jever 7 Stadt Jever 1Eu adoro um bom boteco. Um bom pub. Um bom lugar pra beber e comer bem. E uma coisa que eu senti muito forte lá em Belo Horizonte é a quantidade de lugares que tem com variedade de chopp. Gente, aqui em Recife tem isso não :( Estamos começando a entrar no mundinho do cardápio de cervejas artesanais agora, mas até chegar na variedade on tap acho que demora um pouco. Então quando eu cheguei no Stadt Jever, eu quase chorei. O pub alemão tem uma variedade linda de chopps, todos da cervejaria Wäls, que acabou de completar 15 anos. Parabéns!

O ambiente é massa, escurinho como tem que ser um bom pub, com ambientes recortados parecendo uma casa, um bom balcão pra quem gosta de tomar uma apreciando as torneiras de chopp e uma jukebox pra gente escolher o que quer ouvir. O atendimento foi bem especial, já que Victor é amigo do dono e, mesmo na ausência dele, deixou um garçom especial pra atender a gente. Então não tinha erro. Ah, e as comidas também são uma delícia. Primeiro fomos de uma linguiça alemã com molho da casa e curry, que estava simplesmente imoral. Depois ouvimos a dica da casa, que era o bolo de carne, esse quadrado aí de cima. Delicioso pra quem ama embutidos feito eu. E com a mostarda da casa então.. Fiquei afim de colocar um tubo dessa mostarda no bolso e ir embora hahaha :)

Ah, e o que falar dos chopps Wäls, né? Eu saí de lá sem conseguir escolher o meu preferido. Até porque bastaram 5 chopps, sem repetir nenhum (eu acho) pra eu sair bêbada. Pois é, não estamos falando de cervejinha amarela aguada, meus amigos. Quem não tem como tomar a variedade da Wäls on tap, pode pedir pela internet no Have a Nice Beer ou na loja online da marca. Vale a pena a degustação, inclusive das sazonais como a Hot Petroleum que leva pimenta e é uma explosão de sabor.

Então pra quem mora ou visita Belo Horizonte, e gosta de um bom pub com uma boa cerveja, fica a dica do Stadt Jever. Já pode voltar pra comer e beber?


futrica, o boteco da cerveja com pizza


futrica 10 futrica 7 futrica 5futrica 8 futrica 4 futrica 1 futrica 3 futrica 9 futrica 2 futrica 6Eu amo boteco. Desses tradicionais, sem frescura, que tem um petisco tradicional, cerveja gelada e pronto. Precisa de mais nada. Pode ser pequeno, meio apertado no meio de uma das mil galerias do centro de Juiz de Fora. O Futrica é assim. Eu vou nesse boteco desde que eu me entendo por gente. Ou melhor, desde quando eu nem era gente suficiente pra estar em boteco hahaha :P Mas como esse meu gosto eu não roubei, herdei de pai e mãe, sempre acompanhei nas cervejinhas, mesmo que fosse brindando com meu guaraná.

O Futrica fica numa galeria da Marechal Deodoro, e tem as tradicionais mesinhas do lado de fora pra quem quer beber em pé e ter mais espaço pra gesticular e contar os causos, tem o bom e velho balcão, que reúne os clientes mais tradicionais que bebem conversando com o dono do bar, e também tem as mesas pra quem quer sentar mais confortavelmente pra degustar os petiscos da casa.

Como dá pra ver até no slogan, a prata da casa é a pizza frita. Apesar de ter linguiça, bolinhos variados, espetinhos, ovo (gente, ovo de petisco é roots <3), a vedete é a tal da pizza de queijo. Não tem outro sabor. É a pizza do Futrica. Um petisco da paixão: aquele que vai direto pro coração e não sai de lá nunca mais. Pronto. Tão gordurosa quanto suculenta e deliciosa, eu não consigo ir pra lá e sair sem comer a tal da pizza. Quando eu era criança comia sempre uma coxinha com guaraná na Pepita, lanchonete de alguma outra galeria do centro. Mas agora minha paixão é mesmo o Futrica, sua Original gelada e a pizza da paixão.

Lá é um bar familiar, que já está na terceira geração desde o seu fundador. Isso faz com que a paixão seja bem verdadeira de quem trabalha, sabe? É a vida de uma família. Irmãos que trabalham juntos e trabalham bem. E sempre lembram da gente, e fazem a maior festa quando aparecemos de surpresa. Ah, o Futrica é bom pra comprar cachaça também. Eles não tem muuuita variedade, mas tem os rótulos que interessam. Pra tomar e pra presentear, então já fica a dica. Vai tomar uma cerveja e sai com uma cachaça souvenir hahaha :P

Eu boto fé que todo mundo que se preze em Juiz de Fora conhece esse boteco, mas se não conhece tem a obrigação de conhecer. Porque eu morando aqui em Recife já devo ter ido lá mais vezes do que muito conterrâneo hahaha :)


empório café


emporio cafe 13 emporio cafe emporio cafe 2 emporio cafe 11 emporio cafe 5 emporio cafe 6 emporio cafe 4 emporio cafe 3 emporio cafe 7 emporio cafe 9 emporio cafe 8 emporio cafe 12 emporio cafe 10Eu quase coloquei no título “Empório Café – o melhor bar de João Pessoa”, mas achei que poderia ser injusta. Mas é que mesmo sem nunca ter ido, eu lembro desde quando inaugurou. Parece que era menor e em outro lugar, e agora tá enorme assim e bonitão. Só sei que desde sempre meus amigos que são, moram ou visitam Jampa me falam do tal Empório Café. E nessa minha ida pra lá eu tinha que conhecer, né?

Não fiquei muito tempo e nem me aventurei muito pelo cardápio, mas acho que isso já é um bom motivo pra voltar né? Mas mesmo sendo uma passada rápida eu já tenho condições de indicar, porque o lugar é uma delícia. Tem uma área externa super agradável e uma parte interna que rola música, banda e parece que as vezes fica um clima mais balada e tal. Bem interessante.

A cerveja é gelada e tem a minha preferida, poxa <3 Todo bar que tem Devassa Ruiva gelada ganha o meu respeito e meu carinho, e quando chega num balde de gelo assim então, zerou pra mim. Dizem que a comida é muito boa, mas eu só experimentei um potinho de frios e uma torta de chocolate que sim, estava imoral. Mas já estou com vontade de voltar e sair comendo de tudo um pouco, porque né, gordinha é isso aí.

E com quem faz o lugar também é a companhia que a gente tem, posso dizer que estava muito bem acompanhada, viu? Gabi e Geraldo, Van e Urias, meu bem. Não podia ser melhor. E fecho aqui meus posts humildes sobre minha ida rápida pra Jampessoa, agradecendo mais uma vez o carinho e a atenção de todos que me fizeram companhia esses dias e me apresentaram a lugares tão legais <3

Ah, e aproveita que hoje é sexta e vai lá pro Empório e toma uma cerveja por mim o/



© 2016 - ideias de fim de semana