uma pitada de leveza

levezaA leveza é uma coisa tão difícil de descrever. Ao menos pra mim. Não é algo que a gente possa ver, pegar. Não é bem um sentimento. Não é algo que se deseje possuir. Mas é, sem dúvidas, uma coisa que a gente precisa ter na vida.

Colocar uma pitada de leveza no nosso dia faz com que a gente se sinta melhor. Seja parando um pouco pra respirar. Seja trocando uma palavra de carinho. Um beijo. Um abraço. Seja, simplesmente, olhando lá fora. Não existe uma fórmula para leveza. Pode estar na vista da sua janela, no seu café da manhã ou num momento de inspiração no meio da tarde.

É algo que a gente precisa quando sentimos aquele peso da vida, sabe? Aquele momento de estresse, aquele cansaço físico, aquela rotina, aquele sapato apertado. A gente sabe que está precisando de um momento de leveza quando até nos nossos pensamentos a gente consegue sentir o peso das coisas. E, as vezes, como pesa…

Se eu pudesse, eu encheria potes com doses diárias de leveza e distribuiria por aí. No trânsito, nas filas de banco, nas brigas de casais, nas salas de espera dos hospitais, nas reuniões de trabalho, nos telefonemas de cobrança, nos e-mails. Se eu pudesse, seria eu a própria leveza. Para visitar diariamente todos que carregam um peso maior do que podem aguentar. Se eu pudesse, tiraria a mão da frente dos olhos de todo mundo, porque as vezes a leveza está bem na nossa frente mas o peso do dia não nos deixa enxergar.

As vezes, você fica mais leve só de parar para escrever. Só de parar para ler. Para ouvir. Para comer. Para ver. Para amar.

Quando você deixa o pensamento sair vagando por aí. E muitas vezes tem a grata surpresa de encontrar alguma coisa linda. Ou alguém. E preencher um espaço que, mesmo com todo peso do mundo, continuava vazio. Um espaço que só pode ser preenchido por ela, a leveza da vida.

Então, se hoje eu pudesse dar um presente, seria uma pitada de leveza para cada um colocar no seu dia.

Bom dia, gente.

7 Comentários em uma pitada de leveza

  1. 1
    Bruno Garofalo says:

    Lindas palavras Anna! Parece que foram diretas pra mim! Obrigado

  2. 2

    Muito bom! Adorei! Parabéns pelas lindas palavras!

  3. 3
    Fernanda says:

    Lindo o texto! E um vídeo imaginário se passava pela minha cabeça, conforme eu ia lendo seu texto… perfeito!

  4. 4

    Assino o blog, mas nem sempre abro os emails com os avisos de novos posts. Hoje, talvez pela leveza da sexta-feira, abri. E foi uma delícia ler essas palavras, que traduzem muito minha filosofia de vida – e, felizmente, uma das coisas boas do tempo é o aprendizado que ele nos oferece – e também tento “passar” (não é essa a melhor palavra) às pessoas com quem convivo ou simplesmente esbarro pelos caminhos.
    Impossível não lembrar do terceiro livro mais marcante na minha vida, do Milan Kundera, ainda que a leveza que ele aborda não se resuma a esta que você partilhou conosco aqui.
    De qualquer modo, obrigado! Devidamente publicado e creditado no meu blog.

  5. 5
    evelyne maia says:

    Esse seu texto foi feito para o mim :)

  6. 6
    Dalva Gandini de Almeida says:

    Anna Terra,
    há pouco tempo procurando ideias para as novas cores da minha casa descobri o seu blog e virei fã. Hoje li o seu texto sobre leveza, adorei! Sugiro a você, se é que ainda não o leu, um livro delicioso sobre o tema: A Arte de Ser Leve da jornalista mineira Leila Ferreira. Parabéns pelo blog e obrigada por nos presentear com seu bom gosto.

  7. 7

    [...] Texto: Anna TerraVia: Idéias de fim de Semana   [...]

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>