home sobre mim sobre o blog mídia kit

roteiro intensivo noronha


Da última vez que eu fui pra Noronha um amigo de mamãe, nativo de lá e que vive há mais de 50 anos na ilha, levou a gente pra um passeio intensivão. Como a gente não estava na ilha, estava no navio, o tempo era curto e a vontade de conhecer tudo era grande. O roteiro que ele fez foi tão bom e passava pelos lugares mais lindos, que fiz questão de repetir com a galera. Aqui pra nós, eu tava me sentindo a própria guia hahaha :P

Então, depois da primeira parte do passeio com Plana Sub na Praia do Porto, vista do Buraco da Raquel, Praia das Caieiras e de um pitstop providencial do Museu do Tubarão, continuamos com o roteiro.

cacimba do padrecacimba do padreCacimba do Padre

A primeira parada é a praia Cacimba do Padre. Deixa o buggy estacionado por lá, se quiser pega uma cerveja gelada e uma água pra hidratar lá no restaurante das gêmeas e desce pra praia. A Cacimba é uma praia bonita, grande mas de ondas. Terminamos sem parar pra tomar banho lá, mas vale a ida e os claques. Como é uma praia grande, ela termina ficando mais vazia e você pode até ver alguém simplesmente fazendo topless, como a gente viu dessa vez :P

Andando pra esquerda tem uma trihazinha por cima das pedras que vai dar na Baía dos Porcos. Mas, antes de chegar lá, vale dar uma subida pra ter a vista mais bonita do Morro Dois Irmãos.

morro dois irmãosmorro dois irmãosMorro Dois Irmãos (ou Fafá de Belém)

É o cartão postal mais famoso de Noronha, né? Esses morros popularmente conhecido como os peitos de Fafá de Belém são uma formação rochosa linda. Nessa época do ano eles estão mais “cabeludinhos”, porque a chuva dá uma irrigada nas plantinhas de lá. Por sinal, apesar do risco de chuva é uma época ótima pra conhecer Noronha. A ilha tá toda verdinha e cheia de vida. No verãozão pegando a ilha fica mais marrom com a vegetação queimada. Mas não menos bonita por isso :)

Saindo da vista panorâmica, hora de descer as pedras até a Baía dos Porcos.

baía dos porcosbaía dos porcosBaía dos Porcos

Eu achei uma das praias mais bonitas da ilha. Quando eu fui com mamãe eu estava sem máscara nem snorkel, mas mergulhei de olhos abertos da água e dava pra ter uma visão massa. Acreditem.

Mas dessa vez nós estávamos bem equipados então foi só entrar e começar a nadar. Ainda que eu e meu lindo estivéssemos sem pé de pato, a gente foi nadando, nadando, nadando e quando vimos estávamos super distantes contemplando um abismo azul embaixo da gente. É impressionante como é fundo e como a visibilidade alcança tudo.

Não é a praia com mais peixes nem mais tipos de vida diferentes pra ver, apesar de sim, ter várias coisas lindas pra ver. Mas a praia é muito bonita. A água é muito transparente. A vista pro Morro Dois Irmãos é encantadora. E a profundidade com alta visibilidade é encantadora. Não dá pra deixar de ir.

Então é a hora de fazer a caminhada de volta, pegar o buggy e seguir para a Praia do Sancho. Antes tinha uma trilha da Baía dos Porcos pro Sancho, que são praias vizinhas. Mas a trilha está interditada por risco de desabamento, aí tem que ir por cima de buggy mesmo.

praia do sanchopraia do sanchopraia do sanchoSancho

A Praia do Sancho foi eleita nos últimos anos como a praia mais bonita do Brasil, desbancando a hegemonia de Porto de Galinhas. Desculpa gente, mas ao chegar em qualquer praia de Fernando de Noronha eu me pergunto como Porto de Galinhas ganhou por tantos anos. Ainda mais a praia do Sancho, que é grande, linda, transparente e cheia, cheia de vida debaixo d’água.

Pra chegar no Sancho ou se vai de barco, ou precisa descer uma escadaria no meio das pedras. Quando me falaram, eu achei que era uma escadaria gigaaaante e super difícil e cansativa. Mas gente, nem é. Dá pra ir super de boa. Como é uma praia maior, tem mais ondas. Então a boa de lá é entrar no mar e sair da arrebentação, nadando um pouco mais pro fundo. Pra não acontecer o que aconteceu com Lu, tadinha, que levou uns capotes das ondas e terminou perdendo a máscara e o snorkel pra Iemanjá.

Do lado direito da praia é onde ficam as maiores belezas. Com o banco de coral formado pelas pedras, é fácil ver todo tipo de peixinho, tartaruga, arraia e até um tubarãozinho se der sorte. Tudo fica tão pertinho que dá vontade de pegar, abraçar e levar pra casa. É um verdadeiro aquário natural.

Então é aproveitar a praia, mergulhar, curtir os peixinhos e depois se organizar pra ir embora e pegar o famoso pôr do sol, que eu conto no próximo post ;)


3 comentários sobre o assunto

Fui a Norornha em 2004, a ainda me lemro de cada dealhezinho.. realmente é uma viagem que vale a pena demais fazer.. O que mais me impressiona de lá, até hoje, é a cor do mar!! que cor é essa gente?!?!?! peloamor….!!!
Fico aqui babando com seus posts e relembrando cada momento.. Doida pra voltar, agora com a família todinha!!! beijo grande Terrinha!!

Natália Loureiro

Deixe sua mensagem



© 2017 - ideias de fim de semana