home sobre mim sobre o blog mídia kit

Todos os posts sobre amigos

jantar com os amigos


Estamos em época de confraternizações, né? Ontem foi o dia de confraternizar com o querido casal de amigos Rafa e Cami, do Na Minha Panela. Há três anos eu e Paolo somos amigos desse casal de cariocas, e já passamos poucas e boas juntos :) Viajamos, comemos, bebemos, jogamos, brincamos como criança e demos algumas muitas risadas juntos. São, sem dúvidas, um casal que mora no nosso coração :)

E enquanto todas as empresas, escolas, faculdades e todo conglomerado de pessoas está comemorando tudo de bom que aconteceu em 2010, ontem foi nossa noite, mais uma noite, para celebrar a amizade de um casal tão querido.

E claro que eu não ia deixar isso barato, né? Com comidas do Na Minha Panela na minha frente (e posteriormente no meu estômago) eu não poderia deixar de fazer um post pra mostrar como eu tenho a sorte de, por muitas vezes, ser alvo daquelas delícias que muitos só babam pelo blog :P

De entrada tinha queijinho com geléia de pimenta caseira da Cami, que ficou aquelas geléias de verdade, sabe? Tinham também tomates secos com torradinha. Adoro. Enquando Paolo e Rafa bebericavam o vinho, eu sem aguentar o calor nem o sabor (ainda), fui na minha velha e boa cervejinha :P

Para o jantar, Cami fez um delicioso arroz à piamontese super cremoso, que acompanhou essas batatas salteadas no sal e alho e escalopes de carne ao molho de vinho. Estava tudo uma delícia e com aquele gostinho de quero mais. Comi mais do que devia, afinal, o que seria das confraternizações sem os exageros? Eu tinha até esquecido de guardar o espaço para a sobremesa, mas comi sem espaço mesmo. Foi um doce de banana servido quentinho por baixo de um sorvete de creme. Delícia, viu? Adoro doces e caldas quentes pra comer com sorvete :D

Depois, para esperar a comida descer para as pernas como diria mamis, ficamos assistindo aqueles programas onde as pessoas malucas comem comidas exóticas (pra não dizer nojentas), e isso fez com que a gente achasse o jantar ainda melhor. Acho que foi técnica carioca. hahahaha


pin-up: a burgueria


Depois de falar das comidas da Pin-Up Burgueria, eu tinha que fazer um post só sobre o lugar. É lindo. Sem dúvidas um dos mais legais pra se comer aqui em Recife. A Pin-Up traz na sua decoração a temática americana dos anos 50, com suas poltronas vermelhas, seu lindo-maravilhoso-perfeito-quero-igual chão quadriculado e suas paredes azuis. É de todo lindo o lugar.

Eu adoro esses nichos nas paredes, que são umas vitrines com ícones pop, como quadros da Marilyn Monroe, objetos de decoração vintage e tudo mais. Acho lindo demais. Ah, e para quem estranhou, a Pin-Up também tem uma temakeria. Seus temakis são pequenos, porém deliciosos :)

Achei linda a sinalização dos banheiros, com o marinheiro e a pin-up. Não são fofos? E quando eu coloquei um assim do lado do outro, ficou parecendo que eles de fato se olham :P E ainda tem o lugar dos joguinhos, que eu adoro. Fliperama, air hockey, baleiros de ficha, juke box, é tão divertido :D Como é um lugar que costuma atrair famílias inteiras, entre a espera do sanduíche ou da sobremesa, os mais novos (ou nem tão novos assim) podem se distrarir. Eu, por exemplo, me distraí muito bem ganhando no air hockey \o/

Essas fotos são da Pin-Up do Pina, e quem só conhece a do Shopping Recife tem que ir lá. É um ambiente muito legal, super vale ;)

Mais fotos no Flickr


pin-up: as comidas


Olha, tenho que dizer uma coisa. Ser tuiteiro/blogueiro no Recife não tá fácil não. Estão fazendo um esquema de engorda da gente que estou com medo de ser abatida para o Natal! hahaha :P

Depois do Afonso & Anísio, foi a vez da gente se acabar na Pin-Up Burgueria, que há tempos eu considero um dos restaurantes mais lindos do Recife. Com toda temática americana dos anos 50, o Pin-Up traz uma experiência completa para quem vai lá. As comidas saborosíssimas, os garçons de All Star, juke box, air hockey, fliperama e todas essas coisinhas que deixaram a nossa noite ainda mais animada :D

Nós fomos convidados para experimentar em primeira mão os hambúrguers novos do novo cardápio, comandado pela chef Miau Caldas e que além de gostoso está lindo :) Mas antes vieram as entradas. Ah, as entradas… Baby Ribs, que são costelinhas de porco ao molho barbecue (a vedete da noite pra mim), a tradicional batata frita com cheddar e bacon e os lindos e mega saborosos mini haburguers. Estava tudo uma delícia :D

Em seguida, quem aguentou pediu num milk shake, mas eu não dei conta. Era ou o milk shake ou o hamburguer que ainda estava por vir. Preferi a segunda opção :P E ainda bem que deu tempo de jogar umas partidas de ai rhockey, ganhar de Fabinho e de Buchecha e me consagrar a campeã da noite hahaha :P Mas como eu já estava beeem satisfeita, escolhi o menor hamburguer do cardápio, que era um bife com queijo derretido e tomate picado. Simples e delicioso.

Esse hamburguer maior nas fotos foi o do Fabinho, meu irmão amado e querido, que me acompanhou no jantar e não parou de tuitar de lá :P É o hamburguer a parmegiana, que é recheado com queijo e super bem temperado. Suculento. Fora isso, foi uma noite divertida como sempre. Rodeada de amigos legais :D Valeu @fabsc, @carolburgo, @realeden, @buchecha, @napipoca, @entojo, @faccenda, @dudalima, @marcelapam e nossa anfitriã @claudiagiane :)

E que venham os próximos, porque o dedo já está ficando gordinho e daqui a pouco dá para abater :P

Mais fotos no Flickr


os amigos de serra negra


Ah, como eu amo bichinhos :P Tenho meu amor declarado a todos eles.

O xalé onde nós passamos o último fim de semana é ótimo, tem uma vista linda e é bem confortável. O tempo que nós passamos lá, porém, não foi de todo traquilo. Eu não vou falar do som de boate no xalé ao lado, às 22h da noite. E vou poupar de dizer que estava estupidamente alto para abafar sons er… digamos… constrangedores.  Prometo não falar nada sobre isso.

Vou falar das coisas boas. Os bichos :D Quando chegamos fomos recebidos por um cachorro mancando, mas muito carinhoso. Lindo, do nariz marrom e dos olhos claros. Colocamos o nome dele de sexta-feira, não pergunte porque. Ele é muito brincalhão, e adora pular, lamber, morder, mas sem machucar. Ele é muito feliz :) Vai ver é por isso que o dono pisa nele. Ops.

As ovelhas chegaram berrando. Acho que estavam dando as boas vindas :P Tinha uma delas que tava prenha, e outra que tinha uma mancha branca no formato de um triângulo certinho. Colocamos o nome das de colapso, perplexo e complexo. Piadinha interna da família. Ah, elas gostaram mesmo foi do carro de mamis. Tentaram umas duas vezes morder a maçaneta :P

E para deixar a gente ainda mais encantado, chega o gato. Putz, como eu amo gatos. E eu acho que eles me amam também. Sempre rola uma troca de carinhos :) Quando minha irmã viu o gato tomando banho, fazendo posições complexas “de ioga” para se lamber, ela colocou o nome dele de Buda. Oi? Mas tudo bem, ficou. Buda ficou logo junto da gente, e enquanto eu tirava um chochilo na poltrona, ele subiu em mim pra fazer compainha. Ele é muito carinhoso :) Deve ser por isso que o dono puxa ele pelo rabo. Ops.

Ainda bem que só passamos uma noite lá e, apesar dos pesares, conseguimos tomar vinho, cerveja, comer queijos e jogar conversa fora. Tudo isso sentindo o friozinho especial de Serra Negra. Como a minha mãe diz, com a nuvem entrando dentro de casa. Serra Negra tem várias casinhas para alugar, xalezinhos, pousadas. Tenho certeza que algumas ótimas :) Sem esquecer do Ayatana Parador, né. Vale conhecer, principalmente no inverno.



© 2017 - ideias de fim de semana